Newsletter da AFPLP
Se não conseguir ler este email, carregue aqui para abrir no seu browser.
Text
21 de março de 2019
Text

Notícias da AFPLP

Text
Cidade da Praia, Cabo Verde

XIII Congresso Mundial de Farmacêuticos de Língua Portuguesa reuniu mais de 200 participantes


A décima terceira edição do Congresso Mundial de Farmacêuticos de Língua Portuguesa juntou na capital cabo-verdiana mais de 200 farmacêuticos lusófonos, naquela que foi uma das edições mais concorridas do evento organizado pela Associação de Farmacêuticos dos Países de Língua Portuguesa (AFPLP), que comemorou o seu 25.° aniversario. Cabo Verde, a par de Angola, são os únicos países africanos lusófonos em que a profissão farmacêutica é regulada por um Ordem profissional, tal como acontece em Portugal. O desenvolvimento da profissão é, no entanto, uma realidade transversal aos restantes países da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), patente também nos trabalhos apresentados neste Congresso, sob a forma de póster, por farmacêuticos de diferentes nacionalidades e áreas profissionais.

O primeiro dia do evento foi preenchido com sessões da Academia AFPLP, composta por três workshops sobre indicação farmacêutica, resultados em saúde e sobre a atividade dos laboratórios clínicos. Decorreu igualmente neste dia a 18.° Assembleia Geral da Associação, durante a qual foi aprovada uma revisão da resolução sobre a intervenção dos farmacêuticos no combate às resistências antimicrobianas.

Text
Farmácia em Português

Assembleia Geral aprovou resolução sobre Intervenção Farmacêutica no 창mbito da Resistência Antimicrobiana

Os membros da Associação de Farmacêuticos dos Países de Língua Portuguesa (AFPLP) aprovaram, por unanimidade, uma revisão da resolução emitida em 2003 sobre a intervenção farmacêutica no combate às resistências antimicrobiana. Reunidos em Cabo Verde, à margem do XIII Congresso Mundial de Farmacêuticos de Língua Portuguesa, durante o qual são assinalados os 25 anos da AFPLP, os farmacêuticos de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe renovaram o compromisso de apoiar campanhas nacionais e internacionais, promover a cooperação entre países e organizações profissionais, e apoiar as associações membro no desenvolvimento de ações neste domínio.
Text
Farmácia em Português

Pósteres Técnico Científicos no XIII Congresso Mundial da AFPLP reforçam investigação científica

Durante o XIII Congresso Mundial de Farmacêuticos de Língua Portuguesa, que decorreu entre os dias 3 e 5 de outubro de 2018, na Cidade da Praia, em Cabo Verde, com o tema "O Farmacêutico nos Sistemas de Saúde", teve lugar uma exposição de Pósteres Científicos.


Neste 창mbito, a AFPLP promoveu um espaço para apresentação e discussão de Pósteres Técnico-Científicos da autoria de farmacêuticos dos vários países membros da AFPLP, nas suas diferentes áreas de intervenção profissional.


Esta iniciativa teve como objetivo a divulgação de trabalhos técnico-científicos dos farmacêuticos dos vários países de língua portuguesa, nas diferentes áreas de intervenção profissional, que constituem uma mais-valia que a Associação de Farmacêuticos dos Países de Língua Portuguesa procurou dinamizar na esfera das suas atividades.


Foram rececionados 34 trabalhos para exposição no XIII Congresso Mundial, nas seguintes áreas: Farmácia Prática (Farmácia Comunitária, Farmácia Hospitalar, Distribuição Farmacêutica, Indústria Farmacêutica); Galénica e Tecnologia Farmacêutica; Análises Clínicas, e outras áreas técnico-científicas.
Text

Notícias dos Membros

Text
MOÇAMBIQUE

O primeiro congresso dos farmacêuticos em Moçambique

Pela primeira vez, os farmacêuticos moçambicanos estiveram reunidos em congresso para debater o estado atual da profissão e os principais desafios do país em matérias de cuidados de saúde, assistência farmacêutica e medicamentosa. O 1.° Congresso dos Farmacêuticos de Moçambique, organizado pela Associação dos Farmacêuticos de Moçambique (Afarmo), foi uma oportunidade para atualização de conhecimentos e desenvolvimento profissional, mas, acima de tudo, um primeiro passo para afirmação de um grupo profissional essencial para o país.
Text
PORTUGAL

Visita Oficial da Ordem dos Farmacêuticos a Moçambique

A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos liderou uma delegação de farmacêuticos portugueses que foi recebida, em audiência, pela ministra da Saúde de Moçambique, Nazira Abdula naquela que foi a primeira ação da representante dos farmacêuticos portugueses em território moçambicano. A comitiva esteve também reunida com a embaixadora de Portugal no país, Maria Amélia Paiva, e visitou várias instituições, unidades de saúde e empresas do setor farmacêutico.

O programa da visita oficial a Moçambique permitiu uma visão alargada da organização do setor farmacêutico no país e suas principais carências. A OF tem uma relação histórica com o Ministério da Saúde e várias outras instituições ligadas ao setor farmacêutico e à saúde, em geral, facto que foi realçado nas reuniões com diversos interlocutores.

Além da colaboração na formação académica dos jovens farmacêuticos moçambicanos, a OF apoiou projetos de desenvolvimento de unidades e serviços farmacêuticos, de que o Hospital Central de Maputo é apenas um exemplo.

Ao longo das várias ações realizadas durante esta deslocação a Moçambique a bastonária contactou de perto com alguns colegas a exercer nos hospitais, nas farmácias comunitárias, na indústria e na distribuição farmacêutico, bem como nos laboratórios de análises clínicas e no ensino.


​Assista à Reportagem Especial aqui

Text
PORTUGAL e MOÇAMBIQUE

Portugal e Moçambique organizam Encontro Luso-Moçambicano do Setor Farmacêutico

O I Encontro Luso-Moçambicano do Setor Farmacêutico, organizado conjuntamente pela Ordem dos Farmacêuticos de Portugal e pela Associação de Farmacêuticos de Moçambique (Afarmo), levou aos colegas farmacêuticos moçambicanos a experiência portuguesa na regulação do setor farmacêutico, uma discussão particularmente pertinente devido ao início do processo de transformação da associação em Ordem profissional.
Text
ANGOLA

Fórum Farmacêutico Angolano

O Fórum Farmacêutico Angolano realizou-se na Mediateca de Luanda no passado dia 25 de setembro de 2018. Este evento, composto por um programa científico de excelência, foi acompanhado em simult창neo da Exposição de Catálogos e Brochuras Técnicas, apresentados pela Indústria e Distribuidores Farmacêuticos de Angola.
Text
BRASIL

Aprovada resolução sobre o cuidado farmacêutico relativo aos suplementos alimentares


O Plenário do Conselho Federal de Farmácia (CFF) aprovou no dia 25 de outubro, na sua 475° Reunião Plenária, a resolução que dispõe sobre o cuidado farmacêutico relacionado aos suplementos alimentares. A norma é fruto de um processo desencadeado pelo presidente do Conselho Federal de Farmácia, Walter da Silva Jorge João, que, no ano passado, designou um Grupo de Trabalho para elaborar a norma e para, junto da Agência Nacional de Vigil창ncia Sanitária (Anvisa) e de outros conselhos profissionais, colaborar na revisão da regulamentação de toda a cadeia dos suplementos alimentares. Após a revisão da normativa sanitária, que abriu espaço para o farmacêutico nessa área, a nova resolução vem disciplinar essa atuação.
Text
SÃO TOMÉ E PRíNCIPE

Pelo menos 90% dos medicamentos vendidos nas ruas de São Tomé são contrafeitos

Pelo menos 90% dos medicamentos vendidos na rua em São Tomé e Príncipe e alguns dos comercializados hospitais e centros de saúde são contrafeitos, denunciou em setembro uma responsável do ministério da Saúde são-tomense.

De acordo com V창nia Castro, farmacêutica do Ministério do Saúde, "mesmo dentro do sistema legal de saúde existem medicamentos contrafeitos", neste caso "importados".

A responsável falava a jornalistas à margem de um ateliê organizado pelo Ministério da Saúde para assinalar o Dia Internacional do Farmacêutico, que se comemorou no passado dia 25 de setembro.
Text
CABO VERDE

OFCV promove campanha de saúde pública

No quadro da estratégia de alargamento da fortificação domiciliária com Vitaferro, as farmácias comunitárias participam na disponibilização do multivitamínico nas ilhas de Santiago e Santo Antão.

Coordenada pelo Programa Nacional de Nutrição (PNN) do Ministério da Saúde e da Segurança Social (MSSS), a fortificação domiciliária com Vitaferro decorre, desde 2017, nas ilhas de S. Vicente, S. Nicolau, Sal, Boa Vista, Maio, Fogo e Brava. No decurso do agravamento da situação de seca e as suas implicações na saúde da população, em 2018, a distribuição foi alargada para as ilhas de Santiago e Santo Antão, com a distribuição gratuita nos centros de saúde e venda nas farmácias comunitárias.

De realçar que o Grupo Profissional das Farmácias Comunitárias da Ordem dos Farmacêuticos de Cabo Verde (OFCV), considerou importante abraçar esta causa, de modo a promover as farmácias e farmacêuticos enquanto agentes de saúde, disponibilizando os serviços e conhecimentos em prol da população e em estreita integração com outros profissionais do Sistema Nacional de Saúde.

Fonte: aqui
Text

Notícias Farmacêuticas

Text
GUINÉ-BISSAU

Portugal assina protocolo com a Guiné-Bissau na área da saúde

A Secretária de Estado da Saúde de Portugal à data, Rosa Valente de Matos, e a Ministra da Saúde Pública, Família e Coesão Social da Guiné-Bissau, Maria Inácia Có Sanhá, assinaram, em Mansoa, um protocolo de colaboração técnica na área da saúde, que vai permitir consolidar a cooperação de Portugal com este país.
Text
PORTUGAL

Hospitais portugueses vão dar formação de gestão aos PALOP

Os hospitais portugueses vão receber gestores dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) para estágios, troca de experiências e aprendizagem mútua, anunciou o presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), no final de setembro.
쏺amos abrir as portas dos hospitais portugueses para acolher gestores desses países e também dar apoio de consultoria para a gestão de serviços de saúde nesses países, disse Alexandre Lourenço em entrevista à agência Lusa, a propósito do 27.° congresso da Associação Europeia dos Administradores Hospitalares, que decorreu no Centro de Congresso do Estoril, em Cascais.
Rua Marechal Saldanha, 1
1249-069 Lisboa
Portugal
Text
Tel: + 351 213 400 635
E-mail: geral@afplp.org
Text